sábado, 7 de abril de 2012

Por que mesmo você usa o Facebook?

facebook-curtir-e-nao-curtir

O Facebook hoje conta com quase 900 milhões de usuários. É exatamente por isso que a rede está no topo. Mas ter quase a sexta parte da população mundial transformou a rede numa bagunça, principalmente por usuários irresponsáveis que vieram do Orkut pensando que o Facebook seria igual.

Depois de pensar em largar o Facebook, pensei e achei alguns motivos que me fazem ficar na rede de Zuckerberg. Postando minha opinião no meu perfil do Google Plus, eu e Jóckisan resolvemos transformar isso em uma postagem para o blog. Aqui está os motivos do porque que eu ainda uso o Facebook:

“Depois de ter conhecido o Jóckisan (administrador do Fique Sabendo!, que não gosta do Facebook) eu acabei tendo uma nova visão da rede social. Antes, eu via o Facebook como uma rede social totalmente diferente do Orkut. Mas depois percebi que ele foi perdendo sua "elegância".

Spams, comentários chatos e links maliciosos estão transformando a rede num Orkut 2. As vezes dá vontade de largar a rede social e me dedicar totalmente ao Google Plus e ao Twitter. Mas há alguns motivos de por que eu ainda uso a rede social do Mark.

Divulgação por meio dele - como o Google Plus é uma rede novinha, dificilmente você consegue acessos ao seu blog ou clientes em sua empresa por meio dele. Apesar de eu não ter um blog, muito menos uma empresa, divulgar ideias no Facebook é essencial.

Mais interação - como dito acima, o Google Plus é novinho, por isso, quase ninguém que vc conheça estará na rede. No Twitter, é "contra as regras" conversar com alguém. O MSN ainda é o lugar de encontrar sua família e amigos, mas o Facebook ainda é melhor para interação com eles por possuir mais recursos e um jeito moderno de compartilhamento.

Movimentado - algumas pessoas gostam de coisas calmas, mas no mundo em que vivemos hoje, todos ficam apressados e isso faz você gostar de movimento. Por isso, se quer ver seu perfil ser movimentado, use o Facebook. As empresas ou pessoas que tem Facebook postam com muito mais frequência em comparação com a quantidade que postam no Google Plus.

Diversão - as pessoas hoje gostam de se divertir. Apesar de o Google Plus ter jogos e aplicativos, nada comparado ao Facebook.

Como dito no começo da postagem, se não fosse tudo isso que eu falei, eu largava o Facebook de vez. Mas a rede social é essencial para seus negócios e interação com família e amigos. Talvez algum dia o Facebook terminará igual ao Orkut. Mas eu ainda tenho uma esperança...”

Em resposta a minha opinião, Jóckisan diz porque ainda não usa o Facebook:

“Em tudo isso que você disse está certo e eu concordo, mas eu ainda não uso o Facebook por três motivos:

1º - Sistema de amizades - Uma coisa que eu não gostei do Orkut foi esse negócio de convites e amigos. Porque depois que você se separa daquela pessoa por um motivo ela é esquecida por você e você é esquecida por ela. Por exemplo, você adicionou todas as pessoas da sua sala no seu Orkut ou Facebook e depois muda de escola. Pouquíssimas pessoas vão manter contato com você e as outras não vão, mas também não te excluem porque querem "acumular amigos". Tem gente que você nem conhece direito e lhe manda um convite. Você passa por ela e ela não fala com você. Então por que ela te mandou um convite? Por que ela quer que o número de amigos dela cresça, para quando as outras pessoas visitarem o seu perfil verem como ela têm tantos amigos e como ela é popular.
Esse sistema de amizades é de pura falsidade e esse foi um motivo que eu deixei de gostar do Orkut e que não quero me cadastrar no Facebook. Por isso também, prefiro mais o Twitter e Google+.

2º - É amigo? Tem que ler o que o outro escreve. - Outra coisa que eu não gosto é que se você é amigo de alguém você é obrigado a ver na sua timeline os posts daquela pessoa, mesmo que você não goste. Acho que isso não devia ser obrigatório e que devia ser separado: amizades e inscrição de feed.

3º - Memes - Uma coisa que eu acho chatíssima no Facebook é que quase todo mundo posta aquelas imagens engraçadas (porque realmente são) de bonequinhos que parecem que foram desenhados no Paint, os memes. Não que eu seja uma pessoa chata e mal humorada, mas eu prefiro perder tempo lendo coisas mais úteis do que somente aquilo. Eu até poderia ficar vendo esses memes se o indivíduo postasse outra coisa além deles, mas todos eles só postam isso. E ficar horas no Facebook vendo só memes... é perca de tempo.
Bem, essa é a minha visão do Facebook e também os motivos pelo qual eu ainda não estou nele.”

Agora vamos pensar: por que você usa o Facebook mesmo? Para fazer aqueles comentários ridículos como “procura o g minúsculo e serás beijado amanhã: GGGGGGGGGgGGG”? Para distribuir links maliciosos como “troque a cor de seu facebook: www.facebook.com”? Para postar apenas memes (que muitas vezes mostram coisas idiotas), como diz o nosso amigo Jóckisan? Ou para postar aquelas imagens que mostram uma frase totalmente besta em baixo?

O Facebook é um lugar onde podemos nos divertir, mas um divertimento saudável, sem frases ridículas, comentários ridículos ou links maliciosos que sujam, e muito, a rede. Também é um lugar de compartilhar seus momentos e pensamentos com os seus amigos (se é que você tem algum amigo verdadeiro no Facebook). Também é um lugar de ficar bem informado, já que a todo momento as páginas postam vários e vários links de postagens interessantes.

Você quer que o Facebook se transforme num Orkut? Gosta ou posta comentários idiotas e links maliciosos? Deixe sua opinião. Não vamos deixar o Facebook perder sua “elegância”.

Vinicius Girraldi

tem 17 anos, é paranaense e adora informática e tecnologia. Pretende estudar e trabalhar na área de programação, embora sinta muita atração por design e usabilidade de páginas web e softwares. Na escola, adora Ciências Exatas e Filosofia.
comments powered by Disqus

 

Copyright @ 2011-2015 Fique Sabendo!.