domingo, 2 de novembro de 2014

Resenha: Jogos Vorazes (livro)

Jogos Vorazes - capa (livro)Título Original: The Hunger Games

Título Nacional: Jogos Vorazes

Autor: Suzanne Collins

Editora: Rocco Jovens Leitores

Número de páginas: 397

Ano: 2010

 

 

 

 

 

 

Jogos Vorazes é um ótimo livro. Conheci primeiro o filme e então fiquei interessado em ler o livro, para saber da história com mais profundidade e também porque eu fiquei com uma curiosidade para saber o que significa aquele símbolo feito com três dedos levantados para cima. Agora eu já sei o que significa! rsrs

Logo de cara gostei muito da forma como a história é narrada, ela é bem cativante.

Já falei isso aqui antes, mas gostaria de dizer novamente: dizem que Divergente é cópia de Jogos Vorazes, mas eu discordo. A única coisa que eles têm em comum é o fato de ser uma menina a personagem principal, e que ela é destemida o bastante para ser uma heroína, indo contra o sistema do governo, num mundo futurístico. Mas fora isso eles são totalmente diferentes.

Tris é mais romântica, enquanto Katniss liga pouco para os sentimentos e é mais dura e fechada. Toda a saga Divergente também dá muito destaque para o romance e para outros detalhes inúteis, enquanto Jogos Vorazes conta histórias mais interessantes de se acompanhar.

Confesso que a parte de aventura de Divergente me deixava mais nervoso e ansioso do que as aventuras de Jogos Vorazes. Em compensação Divergente tem muitas partes chatas que contam detalhes de coisas que não irão influenciar na história e que lhe deixam com sono. Mas talvez eu não tenha achado interessante a aventura de Jogos Vorazes por eu já ter assistido ao filme antes de ler o livro. Mas mesmo assim Jogos Vorazes sempre tem uma história interessante, é pouco repetitiva, e lhe prende do início ao fim. Com Divergente eu ficava com sono, cansado, querendo acabar logo, não para querer saber o que iria acontecer, mas porque já não aguentava mais tanto tédio num livro só (isso vale para os três livros da série).

Então Jogos Vorazes é superior a Divergente, e não tem nem comparações.

O que lhe faz, na minha avaliação, não ser um livro nota 10 é o fato de eu achar a parte de aventura fraca, mas que pode ser apenas uma consequência de eu ter assistido ao filme primeiro, como já falei mais acima. Outra coisa que eu não gostei é que Katniss se mostra individualista e egoísta. Ela só aceitou fazer parceria com Rue, porque além dela lhe fazer lembrar da sua irmã, Rue lhe ajudou duas vezes: lhe dando a ideia de jogar a casa de insetos num grupo de jogadores e de cuidar de suas picadas depois disso. Ela não liga para Peeta em nada e só vem fazer alguma coisa por ele depois que a regra é alterada para que possa ser dois ganhadores do mesmo distrito. Então, tudo o que ela faz por Peeta é apenas pelo seu próprio interesse de vencer, e não por ele, mesmo já tendo acontecido tantas vezes dele ajudar ela.

Fora isso, é um ótimo livro de aventura.

Nota:

Jóckisan

é pernambucano, e é estudante e blogueiro nas horas vagas. Gosta de estudar, ler livros, assistir a bons filmes e séries. Na internet gosta de ler notícias interessantes, tecnologia e TV. Também escreve no Mundo Geek.
comments powered by Disqus

 

Copyright @ 2011-2015 Fique Sabendo!.